Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

da Cozinha da Sofia

Um blog de doces, memórias e colheradas de sabor. Para adoçar a boca e a vida!

da Cozinha da Sofia

Um blog de doces, memórias e colheradas de sabor. Para adoçar a boca e a vida!

26
Fev24

Sericaia com Compota de ameixa e vinho do Porto

da Cozinha da Sofia

Quem não gosta de uma boa fatia de sericaia para coroar uma excelente refeição com aquele que é um dos doces alentejanos mais típicos? Na verdade não conheço ninguém que não goste! Mas conheço algumas pessoas (incluindo eu!) que não acham assim tanta piada à extrema doçura da compota de ameixas d'Elvas. Outras ainda que adorando... não acham assim tanta piada ao preço do frasco... Sendo assim, aqui fica uma sugestão alternativa tanto ou mais deliciosa que a original. O contraste do doce da sericaia com o travo doce/ácido da compota de ameixa preta e vinho do Porto fica incrível. Provem e digam de vossa justiça 😉

O que precisamos?

- 1/2L de leite (usei meio gordo)

- 8 c.sopa de farinha de trigo s/ fermento

- 5 ovos

- 200g açúcar (se forem muitoooooo gulosos adicionem mais 50g)

- casca de limão q.b.

- canela em pó q.b.

Para servir: compota de ameixa preta e vinho do Porto

Como fazer?

1. Juntar o açúcar a metade do leite e levar ao lume. Adicionar a casca de limão para aromatizar o leite - se gostar, poderá juntar em raspa.

2. No restante leite, dissolver a farinha. Juntar ao leite que já está ao lume e mexer sempre com a ajuda de uma vara de arames até a farinha cozer - uns 2 a 3min após levantar fervura.

3. Desligar o lume e deixar arrefecer até o creme ficar morno.

4. Separar as claras das gemas. Adicionar as gemas ao creme anterior, mexer bem e levar novamente ao lume, mexendo sem parar com a vara de arames, novamente por 2 a 3 min para cozinhar. Retirar a casca de limão. Se tiver grumos, neste ponto passe a varinha mágica. Deixar arrefecer.

5. Bater as claras em castelo e envolver delicadamente (sem bater para não perder o ar!) no creme anterior que já deverá estar morno a frio.

6. Verter sobre um recipiente de barro ou um pirex e polvilhar com canela.

7. Com a ponta do cabo de uma colher de pau passar suavemente no creme por onde queremos que a sericaia abra quando for ao forno.

8. Levar ao forno pré aquecido a 200ºC - é este choque térmico que faz a sericaia estalar. Quando começar a subir(tipo souflé) baixar a temperatura para os 180ºC. Está pronta quando ao espetar um palito no centro este sair ligeiramente húmido. Atenção para não deixar secar demasiado pois pode começar a queimar por baixo.

9. Retirar e servir morna ou fria com a compota de ameixa preta e vinho do Porto.

10. Gulosar!😋

20240225_233514.jpg

20240225_234724.jpg

20240225_235006.jpg

20240225_234605.jpg

20240225_233358.jpg

19
Fev24

Duo de Pera e Framboesa

da Cozinha da Sofia

Nota-se muito que simplesmente adoro tudo quanto leva frutos vermelhos? 😉 Pois é! Estou sempre à procura de novas formas de combinar os seus sabores intensos e as cores vibrantes.

Desta vez, uma sugestão que é tão versátil quanto rápida de preparar. A ideia é semelhante ao crumble. Uma camada de fruta por baixo e por cima uma massa. Mas esta não é crocante e nem leva gordura. É bolo fofinho e simples que, a cada colherada, mistura sabores e texturas.

Este duo de Pera e Framboesa é perfeito para um pequeno-almoço, um lanche, uma sobremesa... pode ser servido frio, simples ou morno com uma bola de gelado. 😋

O que precisamos?

- 4 peras médias/ grandes

- 100g de açúcar + 1c.sopa (usei amarelo)

- 250g de framboesas (usei congeladas)

- 125g de farinha com fermento (podem usar sem fermento e juntar à parte 1 c. chá)

- 2 ovos

Como fazer?

1. Lavar, descascar, tirar as sementes e cortar as peras em cubinhos. Colocar em ramequins individuais ou num tabuleiro.

2. Salpicar com água (muito pouquinha, só para não colar) e polvilhar com 1 a 2 c.sopa de açúcar.

3. Levar ao forno por 15min.

4. Bater os ovos em espuma, juntar o açúcar, bater novamente e juntar a farinha com o fermento. Envolver delicadamente. Irá formar-se uma massa com um aspecto bastante sedoso.

5. Retirar as peras do forno e, por cima, distribuir as framboesas.

6. Por cima das framboesas espalhar a massa uniformemente, não a colando totalmente às laterais para que a fruta ferva por baixo. Deixar por 25 a 30min ou até a massa estar totalmente cozinhada.

7. Retirar do forno e deixar arrefecer naturalmente.

8. Pode ser servido frio ou morno. Acompanhado por uma bola de gelado fica incrível.

20240218_220806.jpg

20240218_221353.jpg

20240218_222144.jpg

14
Fev24

Panna Cotta de maracujá com coulis de frutos vermelhos

da Cozinha da Sofia

A combinação de sabores do maracujá com os frutos vermelhos é só sublime. Nesta sobremesa delicada e perfeita para um dia especial, juntamos estas duas maravilhas numa panna cotta de sabor único e incrível a cada colherada. Para saborear com vagar!

O que é preciso?

- 2 pacotes de natas (à temperatura ambiente)

- 3 folhas de gelatina incolor

- 130g de açúcar amarelo

- 1/2 c.café essencia baunilha

- 3 maracujás + 2 para decorar

- 2 chávenas de frutos vermelhos congelados

- 2 a 3 c. sopa de açúcar amarelo (é a gosto!)

- 4 c. sopa de água

*rende 4 forminhas*

(a minha chávena tem 250ml de capacidade)

Como fazer?

1. Hidratar as folhas de gelatina numa tigela com água fria.

2. Retirar o sumo dos 3 maracujás, passando-o por um coador. Reservar.

3. Levar as natas com o açúcar ao lume, mexendo sempre. Quando começar a levantar fervura deixar cozer por 1 a 2 min. Baixar o lume e juntar as folhas de gelatina mexendo bem para que se dissolvam e incorporem totalmente. 

4. Deixar arrefecer ligeiramente e juntar o sumo dos maracujás, mexendo bem.

5. Colocar em forminhas passadas por água fria (este passo ajuda a desenformar).

6. Levar ao frigorífico até solidificar bem - mínimo 2 horas.

Para o coulis:

Colocar os frutos vermelhos congelados com o açúcar e a água numa caçarola e levar a lume brando. Deixar fervilhar para reduzir a água formando o molho e apurar o sabor. Convém ir mexendo para não colar. Deixar arrefecer completamente.

Desenformar as panna cottas. Decorar com o sumo e sementinhas dos restantes 2 maracujás. Regar com o coulis de frutos vermelhos. Servir!

Dicas:

- É importantíssimo deixar o molho arrefecer totalmente antes de o juntar às panna cottas, caso contrário irão dissolver-se com o calor!

- Desenformar panna cottas pode revelar-se um exercício de grande paciência... tendem a fazer bastante vácuo. Para além de enxaguar as forminhas em água fria, antes de desenformar, passar delicadamente a ponta de uma faca nos bordos, passar a forma uns minutos em vapor de água a ferver e depois colocar o prato de servir por cima e virar com força. Deixar deslizar suavemente. Se, como eu, não tiverem forminhas de silicone pequeninas... não desesperem! Vão conseguir 😉

- Podem não coar o sumo e manter as sementinhas. Não altera em nada o sabor. Mas, ao desenformar, as sementes vão estragar o efeito visual suave e delicado da panna cotta... as laterais ficam irregulares... não fica muito bonito. É melhor opção juntar as sementinhas na decoração, dão crocancia e fica mais apelativo visualmente 😉

20240211_235128.jpg

20240211_234746.jpg

20240211_234818.jpg

11
Fev24

Codornizes no forno com Porto e castanhas

da Cozinha da Sofia

Para este dia de S. Valentim sugiro um prato simples, mas delicioso. Pode e deve ser preparado com antecedência para que na hora seja só colocar no forno🙂

O que é preciso?

- 8 codornizes arranjadas

- 2 cebolas

- 4 dentes de alho

- 2 dl de vinho do porto (ruby ou tawney)

- 100g de bacon em cubinhos

- sumo de 1/2 limão

- azeite, 2 folhas de louro, sal e colorau qb

- 1/2 malagueta (opcional)

- salsa fresca

- 2 maçãs verdes em cubinhos

- 1 punhado de castanhas congeladas

- batatas qb

Como fazer?

1. Colocar as codornizes já arranjadas numa taça funda. Por cima colocar a cebola e o alho picados, o louro, malagueta, sal, colorau, azeite, o bacon, o vinho do Porto e o sumo de limão. Envolver e deixar marinar 30 a 45min.

2. Descascar as batatas e cortar em cubos pequeninos. Colocar num recipiente que vá ao forno. Juntar a maçã (com casca) também em cubos, as castanhas e misturar com as batatas.

3. No centro abrir um espaço entre as batatas, colocar as codornizes (atei as patinhas com fio de cozinha mas é opcional!) e regar as batatas com a marinada.

4. Levar ao forno por 30 a 45min ou até as batatas estarem assadas.

5. Retirar e servir com salsa picada.

Dica: de véspera podem adiantar processos: descascar e cortar as batatas, deixando depois mergulhadas em água no frigorífico até cozinhar. Lavar as maçãs. Cebolas e alhos descascados e em água no frigorifico também até cozinhar😉 Limpar as codornizes deixando-as prontas a temperar, acondicionadas em recipiente de vidro fechado.

20240210_223936.jpg

20240210_224015.jpg

20240210_224325.jpg

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me no instagram

Entregas em Almada e Seixal, outras zonas sob consulta.

Preços, informações, sugestões, pedidos... contacte!

Mensagens

Posts destacados

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub